Intercâmbio na Irlanda: como tirar o visto de estudante e a permissão para trabalhar.

A Irlanda é um destino de intercâmbio muito procurado por ser um dos países mais receptivos da Europa. Com cidades animadas e ao mesmo tempo aconchegantes, construções que comemoram a cultura celta, escolas de qualidade e o ponto forte de ter a língua inglesa como o idioma oficial fazem da Irlanda um destino realmente incrível.
Confira as informações e dicas sobre a permissão de estudo e trabalho durante o intercâmbio na Irlanda.

Como fazer o visto de estudante na Irlanda?

Ao chegar na Irlanda, ainda na imigração do aeroporto, o estudante precisará apresentar a confirmação da escola e da acomodação, e então o oficial lhe dará um visto de visitante provisório que pode variar entre 30 e 90 dias de validade.

Porém, para cursos acima de 90 dias é necessário tirar um visto de estudante na Irlanda. Para isso, o intercambista tem até um mês após a sua chegada para ir na Imigração Irlandesa. Na imigração, você fará o seu visto de estudante e o seu IRP – Irish Residence Permit (o antigo GNIB), que é um documento que mostra que o aluno está registrado e legalizado no país.

Para os intercambistas que têm Dublin como destino, é necessário agendar a entrevista na imigração através desse site. Para as demais cidades da Irlanda, não é necessário o agendamento prévio. Basta se dirigir à imigração com os documentos necessários para fazer o visto de estudante e o registro IRP e esperar a sua vez de ser atendido.

Se a sua entrevista na imigração irlandesa for agendada para após a expiração da sua permissão provisória na Irlanda, aquela concedida na imigração, não tem problema, pois ela continua válida se a entrevista estiver agendada.

Documentos necessários para solicitar o visto de estudante na Irlanda e o IRP:

  • Passaporte válido;
  • Carta da escola: comprovação de matrícula de um curso com no mínimo 15 horas semanais de aulas no período da manhã ou da tarde. Essa carta é fornecida pela própria escola;
  • Comprovação de 3 mil euros em conta bancária, podendo ser através de:
    • Extrato da conta bancária no Brasil: de preferência em inglês, com o seu nome, endereço (do Brasil), assinatura e carimbo do gerente;
    • Extrato da conta bancária na Irlanda: pode ser aberta com o auxílio da escola de inglês, sendo ela parceira do banco;
    • Extrato do cartão pré-pago (como o VTM);
    • Ou Bank Draft / Postal Order: é possível depositar o dinheiro em espécie no General Post-Office, que é trocado por um portal order, que são como cheques e que podem ser apresentados na imigração.
  • Comprovação do Seguro Saúde Governamental;
  • Taxa de 300 euros: valor pago na hora da emissão do IRP, podendo ser por meio de cartão de débito ou crédito.

O tipo de visto da Irlanda para cursos de longa duração + permissão de trabalho durante o intercâmbio se chama Stamp 2. Esse visto tem validade de oito meses para estudantes de idiomas na Irlanda e pode ser renovado até 2 vezes.

Vistos para Irlanda

Leia mais sobre como obter o visto para estudar na Irlanda

É permitido trabalhar durante o intercâmbio na Irlanda?

Trabalhar durante o intercâmbio na Irlanda é perfeito para garantir uma graninha para suavizar as despesas do intercâmbio ou poder viajar ainda mais pelo país. Além de você receber em euro, é uma ótima oportunidade de treinar ainda mais o idioma, colocando o inglês em prática no dia a dia irlandês.

Um dos benefícios de fazer intercâmbio na Irlanda é que, nos cursos com duração de 25 semanas ou mais, com no mínimo 15 horas semanais de aula, há a permissão de estudar e trabalhar.

O visto Stamp 2, que é tirado seguindo as instruções no item anterior, concede ao estudante internacional a permissão de trabalhar 20 horas semanais durante o período letivo. Durante os períodos de férias, que são junho, julho, agosto e setembro, além de 15 de dezembro a 15 de janeiro, é permitido trabalhar full time, sendo 40 horas semanais.

Como fazer o PPS, registro necessário para trabalhar legalmente durante o intercâmbio na Irlanda?

O PPS é um cartão de serviços sociais da Irlanda que é muitas vezes comparado ao CPF aqui do Brasil. Estudantes internacionais que desejam trabalhar legalmente durante o intercâmbio de estudos na Irlanda precisam se registrar no PPS.

O processo é simples: uma vez que o estudante internacional conseguir um emprego na Irlanda, ele deve solicitar o PPS agendando um horário através desse site.

Os documentos necessários para solicitar o PPS e trabalhar legalmente na Irlanda são apenas o passaporte, um comprovante de residência e uma carta da empresa empregadora. Após apresentar esses documentos no dia marcado, o prazo de recebimento do número do PPS é de 3 a 5 dias úteis.

Estude na Irlanda

Veja Pacotes para Trabalhar e Estudar na Irlanda

Vai Fazer Intercâmbio? Deixe seu comentário!