juste pour rire!





hoje vou postar algo sobre um evento muito interessante que é realizado aqui: o festival juste pour rire.
a edicão de 2008, aconteceu no início de julho e a traducão é: festival somente para rir.
feliz, né?
eu achei sensacional.
como alguém pode ser tão brilhante ao ponto de criar um nome desses para um festival de humor? nada mais espontâneo.
segundo informacões que busquei no site, o criador do festival – gilbert rozon, entendeu que o humor deveria ser levado a sério. e resolveu criar um festival com o simpático objetivo de “reunir em uma mesma sala de espetáculos, as pessoas que querem rir e as que querem fazer rir”.
único no mundo, o festival tem entre as suas missões, a propagacão do bom humor e fazer rir o maior número de pessoas possível.
a primeira edicão aconteceu em 1983.
além de ser uma idéia genial, o festival é super bem articulado.todos sabemos que as indústrias cultural e do turismo, geram muitos empregos, diretos ou indiretos.
o site nos dá estatísticas do número de pessoas empregadas (permanentemente) no festival: 200!
200 pessoas com emprego permanente e muitas outras com oportunidades temporárias.
as externalidades positivas.aprendi isso na pós graduacão em economia da cultura, viu professor?(fazendo um lobby, hehhe)
todo mundo fica feliz: os artistas,os bares e restaurantes cadastrados, estudantes que podem trabalhar e aproveitar o verão, fabricantes de camisetas, brindes e souvenirs, agências de publicidade, agências de turismo. enfim. gera emprego e renda.
o festival tem patrocinadores oficiais e o escritório segue captando recursos para as próximas edicões.
que o bom humor se propague mais e mais!
🙂
vou postar fotografias que fiz na rua. mas no site tem vídeos,fotografias e mais novidades.
http://www.hahaha.com/fr/festival/10/3338/

3 comentários sobre “juste pour rire!”

  1. além dos bonecos desfilando pelas ruas,dava para se divertir com os animadores que ficavam fazendo piadinhas e te chamando para ganhar brindes.
    mas tudo isso com muita elegância. nada de “malas sem alca” incomodando ou suplicando atencão.

O que achou? Deixe seu comentário.